Cirurgia plástica pós-bariátrica: saiba quando fazer e quais são as recomendações médicas

A cirurgia plástica pode ter inúmeros fins, além da estética e do bem-estar. Em casos de grandes perdas de peso, ela é necessária para retirar excessos de pele que ficam após a cirurgia bariátrica – procedimento que tem como objetivo reduzir o estômago de pessoas com IMC elevado e resulta na perda de peso ao longo de vários meses.

A cirurgia bariátrica é indicada para pacientes que apresentam obesidade grave e que não conseguiram emagrecer após tratamentos clínicos com acompanhamento médico, e deve sempre ser indicada por um médico especialista em obesidade, e apenas depois de o paciente ter passado por avaliações com uma equipe multiprofissional que envolve não só médicos como nutricionistas, psicólogos, entre outros.

Após esta cirurgia, é possível que ocorram excessos de pele e determinadas partes do corpo fiquem caídas, gerando desconfortos físicos e emocionais. Por conta disto, muitas pessoas que passam por este processo, optam por realizar a cirurgia plástica para corrigir incômodos, a chamada cirurgia plástica pós-bariátrica.

Saiba quais são as cirurgias plásticas pós-bariátricas mais procuradas e quais as recomendações médicas para mantê-las, sem a necessidade de retoques.

A principais cirurgias plásticas pós-bariátricas

A necessidade da cirurgia plástica para corrigir excessos depende do grau de excesso de pele de cada paciente após a perda de peso.

Conforme dados publicados no portal Minha Vida, as principais cirurgias plásticas pós-bariátricas mais procuradas são:

– Correção da diástase (afastamento) entre os músculos abdominais, frequentemente associada a abdominoplastia (retirada de excesso de pele do abdome)
– Correção de hérnias, frequentemente associadas a abdominoplastia
– Lipoaspiração
– Lipoenxertia
– Lipoescultura (associação de lipoaspiração e lipoenxertia)
– Braquioplastia (correção de excesso de pele nos braços)
– Mamoplastia
– Ginecomastia (correção de mamas masculinas)
– Lifting de coxas
– Gluteoplastia
– Lifting facial
– Cirurgia íntima feminina

Elas podem ser feitas separadamente ou em conjunto – cirurgias plásticas combinadas, caso o cirurgião plástico veja a necessidade e a segurança de fazê-las.

Quando fazer uma cirurgia plástica pós-bariátrica?

Geralmente, os pacientes são liberados para realizar a cirurgia pós-bariátrica 6 meses após a estabilização da perda de peso obtida com a cirurgia bariátrica.

Porém, pode haver variações individuais do ponto de vista nutricional, psicológico etc. Por isso, todos os pacientes que desejam realizar essas cirurgias plásticas devem ser liberados pela equipe que realizou a cirurgia bariátrica, a fim de se ter certeza de que o paciente está bem de saúde para ser operado.

Recomendações para manter a cirurgia plástica

A cirurgia plástica não tem um resultado bom e duradouro quando o paciente não cria bons hábitos para mantê-la. Para quem deseja manter o resultado da cirurgia plástica pós-bariátrica precisa seguir algumas recomendações médicas, como:

– Realizar acompanhamento médico e nutricional para evitar oscilações de peso e deficiências nutricionais que possam prejudicar a recuperação pós-operatória e a cicatrização das incisões
– Hidratar a pele com frequência
– Manter bons hábitos alimentares e evitar alimentos gordurosos
– Praticar exercícios físicos
– Evitar o tabaco

Nosso artigo foi interessante para você? Então, siga a Motiva nas redes sociais!

Fontes:
Minha Vida/ Dr. Daniel Borges/ SBEM

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *