Mito ou verdade: o botox pode ou não levar ao botulismo?

O botox – toxina botulínica – é um dos procedimentos estéticos mais procurados, mundialmente. Conforme informações da Sociedade Internacional para a Cirurgia Plástica Estética – ISAPS e publicadas no Portal R7, a aplicação da toxina botulínica tem em torno de 5 milhões de procedimentos pelo mundo, sendo o Brasil o segundo país onde mais se realiza esse tipo de tratamento.

Este fator faz com que haja mais experiência dos profissionais no manejo da toxina botulínica, mas também pode elevar o risco de determinados problemas de saúde, como o botulismo, como aponta pesquisa realizada pela Universidade de Wisconsin-Madison – EUA. De acordo com pesquisadores da instituição, a substância aplicada no rosto pode gerar riscos de movimentação para outras partes do corpo e até mesmo atingir o cérebro.

Mas, até que ponto estas informações podem causar problemas às pessoas que aplicaram ou gostariam de aplicar o botox? Será mito ou verdade que o botox causa botulismo? Confira as respostas na nossa postagem de hoje.

Afinal, o que é botulismo?

Botulismo é uma doença infecciosa causada por neurotoxinas da bactéria Costridium botulinum, ou seja, a causa direta não é a bactéria em si, mas sim o que ela pode produzir.

Seu principal modo de transmissão é através de alimentos, água, ou toque de superfície contaminados. Sua instalação no corpo é rápida e os principais sintomas são dificuldade para engolir, falar, e paralisia facial.

A doença não é transmitida pelas pessoas e apresenta grandes indícios de gerar paralisia e mortalidade, quando não é tratada desde o início. O tratamento se dá por injeção antitoxina.

Mas qual a relação do botox com o botulismo?

A toxina botulínica é produzida pela mesma bactéria causadora do botulismo, porém ela não costuma oferecer perigos ao ser humano, por ser purificada e utilizada em doses que não geram a doença, quando é industrializada.

Será mito ou verdade a relação do botox e botulismo?

Conforme especialistas, não se trata de um mito, mas algo específico. O botulismo ligado ao botox é algo raro de acontecer, mas não impossível, pois depende da quantidade aplicada no corpo humano e também da experiência do profissional envolvido na aplicação.

O risco do botulismo, assim como a produção de sintomas semelhantes a esta doença, só aumenta quando se utilizam doses a mais que o corpo humano permite e isto é calculado de acordo com o biotipo de cada paciente. Assim, é muito difícil ocorrer essa complicação quando as aplicações toxina botulínica são feitas por um profissional qualificado, que irá determinar as doses seguras da toxina que podem ser aplicadas com finalidade estética, sem comprometer a saúde dos pacientes, afastando o risco de desenvolvimento de botulismo.

Portanto, é importante estar atento ao profissional e ao hospital adequado para realizar qualquer tipo de cirurgia plástica e procedimento estético.

Siga a Motiva nas redes sociais e acompanhe as melhores notícias sobre cirurgia plástica!

Fontes: Minha Vida (http://www.minhavida.com.br/beleza/tudo-sobre/16609-botox)/ MD Saúde (https://www.mdsaude.com/2013/01/botulismo.html)/ R7 (https://meuestilo.r7.com/moda/botox-pode-causar-botulismo-diz-pesquisa-dos-eua-26032018)

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *