Cirurgia plástica em homens mais velhos: os motivos do crescimento e os procedimentos mais buscados por eles

A busca pela cirurgia plástica entre homens tem aumentado a cada ano. Conforme dados recentes da ASPS – Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos, publicados na Revista Istoé, o número de procedimentos de cirurgias plásticas masculinas aumentou 29%, de 2000 a 2017.

O crescimento tem ocorrido porque o preconceito masculino relacionado à cirurgia plástica tem diminuído gradativamente, em meio à busca dos homens se sentirem mais atraentes e seguros, no mundo contemporâneo. Outro fator que merece consideração é o crescimento das redes sociais, com aumento exponencial da exposição dos indivíduos para grupos cada vez maiores de pessoas, o que, muitas vezes, motiva os homens a se preocuparem mais com a aparência.

Crescimento contínuo no Brasil

No Brasil, o crescimento de plásticas em homens, também tem acompanhado o crescimento mundial. Conforme dados da SBCP – Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, estima-se que em cinco anos, as cirurgias plásticas para o público masculino tenham quadruplicado, passando em média de 72 mil para 276 mil ao ano.

As cirurgias plásticas tradicionalmente mais procuradas pelos homens eram a correção das orelhas em abano (otoplastia) e a plástica de nariz (rinoplastia). Porém, tem-se notado uma gradual expansão na gama de procedimentos estéticos procurados pelos homens, destacando-se também a correção da ginecomastia (crescimento excessivo das mamas masculinas), rejuvenescimento das pálpebras (blefaroplastia) e lipoaspiração abdominal.

Cirurgia plástica entre homens mais velhos

No continuo crescimento de cirurgia plástica para homens, também existe uma novidade: o crescimento da procura de procedimentos estéticos entre homens mais velhos, ou seja homens que estão na faixa de 50 a 60 anos e que também tem feito parte deste crescimento.

Executivos que não querem perder seus cargos em empresas para iniciantes na carreira é um dos alguns exemplos mais comuns do aumento de procedimentos estéticos realizados entre homens mais velhos.

Conforme informações da SBCP os aspectos do aumento de procedimentos estéticos em homens mais velhos tem ultrapassado a linha do mercado de trabalho e suas consequências profissionais.

Questões como o aumento da expectativa de vida da população e até mesmo as novas formas de relações afetivas – homens mais velhos com mulheres mais novas –, têm influenciado este público para buscar a cirurgia plástica e manter uma vida social e profissional mais ativas. Os homens desejam aparentar jovialidade, tanto perante suas parceiras quanto em seu ambiente de trabalho.

Os procedimentos mais procurados por homens mais velhos

As cirurgias plásticas mais buscadas por homens mais velhos têm sido exatamente aquelas que deixam o rosto com um aspecto mais jovem.
Além da cirurgia plástica para pálpebras (blefaroplastia), a ritidoplastia – conhecida como lifting facial ou cirurgia plástica para rugas – também tem liderado o ranking de procedimentos.

Uma cirurgia que tem crescido cada vez mais entre os homens é a cirurgia da calvície (transplante de cabelo), que consiste em retirar cabelo de algumas áreas do couro cabeludo que são mais resistentes à calvície (geralmente, a parte de trás da cabeça) e colocar os fios nas áreas com pouco ou nenhum cabelo, a fim de diminuir a aparência calva.

Outro procedimento buscado entre várias faixas etárias masculinas, mas que também tem sido frequente entre homens mais velhos, são injeções de preenchimento ou de toxina botulínica (popularmente conhecida por Botox), que vem apresentando um crescimento de 99%, desde 2000, e agregando cada vez mais este público masculino.

Siga a Motiva nas redes sociais e acompanhe as melhores notícias sobre cirurgia plástica!

Fontes: Istoé / SBCP / Bem Paraná

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *